Comida de verdade vem da fazenda

Comida de verdade faz o mundo melhor. Porque vem da terra, não da caixinha.

Comida de verdade é a da panela da avó, da mesa posta. É na cozinha que construímos memórias. Comida de verdade nos faz pessoas com história e com afeto.

Hoje, nem tudo o que está na mesa é comida, embora muita gente diga que sim.

Você pode moer, fermentar, pasteurizar. Mas coma sem corante, estabilizante, espessante, antiumectante, aromatizante.

Comida de verdade é aquela que você conhece os ingredientes. Não consuma nada que você não consiga pronunciar. Nomes difíceis são produtos alimentícios. Coma comida.

Escolha o fresco, leia a embalagem. Comida de mentira tem muitos ingredientes e dura tempo demais. Comida de verdade tem prazo de validade mais curto e cores sinceras. Você provavelmente vai saber de onde vem, em que árvore dá.

Mas esqueça regras, radicalismos e a pirâmide alimentar. Comida de verdade também não é isso. Não substitua. Varie, cozinhe, conheça. É preciso saber que leva tempo, e que o tempero é a gente que dá.

Esqueça também os sacrifícios. Delicie-se. Comer é sinônimo de prazer. É tudo questão de criar relações, experimentar, relembrar e criar momentos. Ser saudável e feliz estão na mesma receita de vida.

Comida de verdade faz o mundo melhor. Por isso é melhor pra você.

Voltar